fbpx

Procurando Categorias:Educação

 

Sede da Escola Americana de Vitória

Até o próximo dia 12 de dezembro, diversas escolas do mundo promovem atividades envolvendo o tema tecnologia em salas de aula. Trata-se do evento mundialmente conhecido como “Hour of Code”, cujo objetivo é incentivar experimentos acadêmicos sobre ciência da computação para alunos de diferentes etapas do ensino. Entre as instituições que participam dessa agenda está a Escola Americana de Vitória (EAV).

De acordo com um levantamento realizado nos Estados Unidos em 2015, 7 milhões das novas vagas de trabalho ofertadas naquele ano eram de cargos que valorizavam as habilidades em programação — inclusive nas áreas de arte e design. O uso da computação no mundo atual alcança diferentes áreas profissionais incluindo medicina, administração, política, economia, docência, entre outros ramos produtivos.

Na Escola Americana de Vitória (EAV), a ciência da computação já faz parte da grade curricular. Os estudantes contam com a disciplina “Pensamento Computacional”, explorando plataformas e aplicativos e desenvolvendo habilidades de programação e resolução de problemas. No Infantil e nas séries iniciais do Fundamental I é utilizado recursos como o Cubetto, um simpático robô que ajuda a ensinar o básico da programação de computadores por meio de exercícios práticos. Os alunos aprendem conceitos de matemática e lógica, estratégias para resolução de problemas, elaboração de projetos e comunicação de ideias. Nos anos finais do Fundamental II, os adolescentes aprendem Swift, uma linguagem de programação da Apple.

Durante a “Hour of Code – Semana da Educação em Ciência da Computação”, os alunos da EAV colocarão em prática os conhecimentos de programação adquiridos ao longo do ano letivo, utilizando diferentes recursos, além do Cubetto, como Imagi Labs, Scratch, e Scratch Jr.

0 Comentários
Compartilhe