fbpx

Procurando Categorias:Saúde

dificuldade-para-segurar-o-xixi-saiba-como-solucionar-o-problema
De acordo com a Sociedade Brasileira de Urologia, a incontinência urinária atinge 72% das mulheres no mundo. Cerca de 20% dos casos de incontinência são em mulheres adultas, e em idosas pode chegar a 50%.
O problema envolve perda involuntária de urina de três diferentes maneiras: a de esforço, quando há perda de urina em atividades que contraem a região do abdômen (tossir, espirrar, rir e fazer atividade física de alto impacto); a de urgência, quando há súbita vontade de urinar e a pessoa não consegue chegar a tempo no banheiro, e a mista (caso de idosos e diabéticos, ou pessoas com lesões na coluna/medulares), que associa os dois tipos anteriores.
De acordo com a médica ginecologista, Lorena Baldotto a incontinência urinária muitas vezes vai além do constrangimento ela acaba por atrapalhando a qualidade de vida do paciente que fica com medo de rir, sair de casa, fazer esforços, em alguns casos, a pessoa precisa sair de casa com fraldas, e absorventes diários com frequência abafando e prejudicando a íntima.
Lorena disse que existem algumas soluções para tratar o problema, e o laser vaginal é uma delas e muito eficiente. “Ele é realizado intracanal, pode ser usado para tratar toda a extensão do canal vaginal sustentando a bexiga, causando uma retração da flacidez e repondo colágeno local”, disse.
“E mulheres, não existe idade mínima para fazer, a indicação é dada conforme começam a surgir alguns probleminhas como a perda urinária, ressecamento, irritação e até dores durante as relações sexuais, e todos esses problemas são tratados e reduzidos e até sanados com o laser vaginal”, complementou.
A aplicação do laser intracanal é indolor, sem sangramento e, imediatamente, a paciente retorna às atividades normais. As sessões, que podem variar de duas a três, são feitas a cada 30 a 40 dias, de acordo com o perfil de cada pessoa.
Pode ser feito dentro do consultório, sem a necessidade de internação sem precisar de jejum. É recomendado deixar de ter sexo por 5 dias apenas e cuidados locais conforme necessário.
0 Comentários
Compartilhe
12354