fbpx
Cultura, Circuito, Destaque

No dia de Doar, a Fundaes lança o “Leal”, mascote para lembrar aos capixabas da importância da destinação de parte do Imposto de Renda para projetos sociais

no-dia-de-doar-a-fundaes-lanca-o-leal-mascote-para-lembrar-aos-capixabas-da-importancia-da-destinacao-de-parte-do-imposto-de-renda-para-projetos-sociais

Simbolicamente, a Federação do Terceiro Setor (Fundaes) lança na data em que o mundo celebra o Dia Mundial da Doação (1 º de dezembro), o seu mascote, personagem que representa e personifica uma das ações mais importantes da entidade: destacar e incentivar a importância dos capixabas destinarem parte do seu imposto de renda devido para entidades do terceiro setor, que são beneficiadas através dos recursos dos FIA – Fundo da Infância e Adolescência ou Fundo do Idoso, entre outras leis de incentivo. 

A mascote se chama Leal, um leãozinho jovem, simpático e sorridente e que vai ajudar a lembrar aos capixabas sobre a importância da destinação do Imposto de Renda para projetos sociais. Uma decisão que pode fazer muita diferença no dia a dia das entidades do terceiro setor do Espírito Santo. Todos os anos, cerca de R$ 700 milhões deixam de chegar a inúmeras e necessitadas organizações por conta de os contribuintes não fazerem essa opção. Hoje apenas 10% do montante possível são efetivamente designados, apesar de ser muito fácil destinar e não haver riscos de “cair na malha fina”. 

Segundo o Presidente Executivo da Fundaes, Robson Melo, com a mascote, a Federação quer transmitir a mensagem da destinação do imposto de Renda de uma forma lúdica, bem-humorada aos seus parceiros e contribuintes, sejam eles pessoa física ou jurídica. O Leal vai transmitir uma mensagem mais amigável e assim conectar empresas e pessoas aos projetos sociais de todo o Espírito Santo, que são muitas e assistem a milhares de capixabas nas áreas de saúde, educação, esporte, cultura e outros. “Ao fazer isso, as empresas e pessoas físicas vão colaborar com o desenvolvimento local, gerando emprego, renda e oportunidades para jovens, crianças, idosos, artistas, atletas, famílias inteiras” reforça Melo  

Entre outros usos, o Leão Solidário quer se transformar num selo a fim de certificar empresas, instituições e contadores, e outros que confirmem adesão a destinação do Imposto de Renta para projetos sociais com a chancela “Eu faço parte”, “Eu sou Leão Solidário”, “O Leão Solidário passou aqui”. Poderá. ainda, ser aplicado a elementos ou planos de fundo alusivos ao esporte, cultura, lazer, meio ambiente e outros cenários, sendo associado à área de atuação de diversas entidades. 

Criado pela Prisma Inteligência de Marketing, Leal, o Leão Solidário tem juba colorida, que remete às cores e ao formato da nova marca da Fundaes, assim contribuindo para reforçar essa nova identidade visual da Federação. 

Saiba mais: 
1º de dezembro, neste ano, é o Dia de Doar, ação organizada no Brasil pelo Movimento por uma Cultura de Doação. Podem participar indivíduos, empresas, governos e organizações da sociedade civil (ONG), que recebem as doações. 

O #diadedoar é uma campanha global que começou em 2012, nos Estados Unidos, com o nome de #GivingTuesday, e já chegou a mais de 80 países em todo o mundo. A gestão da campanha, dentro do Movimento por uma Cultura de Doação, é feita pela Associação Brasileira de Captadores de Recursos (ABCR). 

O Movimento por uma Cultura de Doação quer estimular doações para organizações da sociedade civil e fazer um contraponto do incentivo ao consumo da época de festas de final de ano, que inclui a chamada Black Friday e as compras de Natal. 

Qualquer pessoa ou instituição pode participar. O movimento incentiva que organizações, empresas e órgãos públicos desenvolvam ações para promover a doação no país, se tornando “parceiros” da campanha. 

Fonte: akatu.org.br 

Comentários

0 Comentários
Compartilhe

Karina Santos

Assistente de Jornalismo - WelcomePlanet

Gostou do artigo? Deixe aqui seu comentário.

%d blogueiros gostam disto: